quinta-feira, 14 de abril de 2011

" Sentimentos Aleatórios ... "

Eu tava pensando, em como nosso coração é frágil! O meu por exemplo. Eu sentia meu coração tão forte, porque ele não era um desses que batia por qualquer um, não era um coração... fácil. Mas de tanto se fechar para prováveis amores, ele acabou congelando. Sim, ele congelou. Cheguei a um estágio que eu não sentia mais emoções, que ele não passava de um simples orgão vital. Foi quando eu percebi que um coração congelado pesa demais, é como se fosse uma pedra que a gente carrega aqui dentro, sabe? Daí veio a tristeza, a solidão, a carência. Foi quando meu coração encontrou o fogo que "ele" pode me proporcionar, que pouco a pouco, derreteu o gelo. É incrível como um único ser humano consegue sentir tantas emoções ao mesmo tempo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário