terça-feira, 18 de outubro de 2011

Eu e você
Não é assim tão complicado
Não é difícil perceber
Quem de nós dois
Vai dizer que é impossível
O amor acontecer


segunda-feira, 17 de outubro de 2011








Cuide Bem do Seu Amor, Seja Quem For...



Mais uma do Caio ...

“Lá está ela, mais uma vez. Não sei, não vou saber, não dá pra entender como ela não se cansa disso. Sabe que tudo acontece como um jogo, se é de azar ou de sorte, não dá pra prever. Ou melhor, até se pode prever, mas ela dispensa.
Acredito que essa moça, no fundo gosta dessas coisas. De se apaixonar, de se jogar num rio onde ela não sabe se consegue nadar. Ela não desiste e leva bóias. E se ela se afogar, se recupera.
Estranho e que ela já apanhou demais da vida. Essa moça tem relacionamentos estranhos, acho que ela está condicionada a ser uma pessoa substituta. E quem não é?
A gente sempre acha que é especial na vida de alguém, mas o que te garante que você não está somente servindo pra tapar buracos, servindo de curativo pras feridas antigas?
A moça…ela muito amou, ama, amará, e muito se machuca também. Porque amar também é isso, não? Dar o seu melhor pra curar outra pessoa de todos os golpes, até que ela fique bem e te deixe pra trás, fraco e sangrando. Daí você espera por alguém que venha te curar.
Às vezes esse alguém aparece, outras vezes, não. E pra ela? Por quem ela espera?
E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará.
A moça – que não era Capitu, mas também têm olhos de ressaca – levanta e segue em frente.
Não por ser forte, e sim pelo contrário… Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração, na sua alma, na sua essência. E ama, sabendo que vai chorar muitas vezes ainda. Afinal, foi chorando que ela, você e todos os outros, vieram ao mundo.”

Por Caio Fernando Abreu.



"Eu me sinto às vezes tão frágil, queria me debruçar em alguém, em alguma coisa. Alguma segurança.Invento estorinhas para mim mesmo, o tempo todo, me conformo, me dou força. Mas a sensação de estar sozinho não me larga. Algumas paranoias, mas nada de grave. O que incomoda é esta fragilidade, essa aceitação, esse contentar-se com quase nada. Estou todo sensível, as coisas me comovem."



-Caio Fernando Abreu

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Sou Feliz por Amar Você ...







E quem diria que o tempo passaria tão rápido, que tantas mudanças aconteceriam e que a felicidade finalmente entraria na minha vida. Quem diria que aquele destino tão sem jeito, nos uniria por todo esse tempo. Às vezes ainda fico me perguntando, será que tudo isso é realmente verdade? Logo meu coração responde rápido, que sim, que é forte e verdadeiro, como nenhum nenhum sentimento que o habita. Quem diria que iríamos sobreviver a terrível distância, os momentos de insegurança, de medo e de tanta saudade. É amor, sobrevivemos. E hoje seguimos os mesmos caminhos, fazendo de tudo para que aqueles sonhos só nossos se realizem. Acredito que não existiria pessoa melhor no mundo para mim, do que você. Te admiro por tudo, mas principalmente por saber fazer de simples momentos, os melhores e os mais inesquecíveis. Hoje eu não tenho mais aquele medo terrível de te perder, posso estar me enganando, mas acredito que isso que sinto é amor, sim é amor. As lembranças daquele primeiro dia ainda estão presentes na minha memória, ainda sinto o calor daquele beijo roubado, daquele abraço tão forte, daquela imensa proteção que aquele ainda estranho me fazia sentir. Acho que terei que viver muito para poder entender tudo que aconteceu, mas eu espero que seja ao seu lado, sempre. E que eu possa sempre descrever, o quanto eu sou feliz por amar você.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Lindo Trecho de " O Pequeno Príncipe "

Tu não és para mim senão uma pessoa inteiramente igual a cem mil outras pessoas. E eu não tenho necessidade de ti. E tu não tens necessidade de mim. Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim o único no mundo. E eu serei para ti única no mundo."


(O Pequeno Príncipe)


" Cuide, cultive, queira o bem. O resto vem ! "

Caio F. Abreu
"Sou composta por urgências: minhas alegrias são intensas; minhas tristezas, absolutas. Me entupo de ausências, me esvazio de excessos. Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos." Clarice Lispector

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Seja bem vindo outubro ...

Chegou assim, tão tímido mostrando pouco da sua beleza. Sem questionar e sem pedir muito quero que esse seja diferente de todos os outros ... Aqui me encontro, me sinto bem com toda a cor lá fora, o cheiro de vida e novos planos em cada esquina que passo... Me rendo a pensamentos, todas as grandes emoções, desde aquelas que eu nem mesmo lembro, até as últimas, que me rendem até hoje lembranças para completar qualquer página em branco. Hoje me renovo, junto a todas as coisas ruins e jogo fora, pensamentos tristes deixo de lado, planos florescem junto a todos os meus sonhos que a cada dia ficam mais fortes.
Por tanto, seja bem vindo outubro e traga sempre boas histórias para acrescentar no livro da minha vida! #)

A sua ...

[...] Eu só quero que você saiba
Que estou pensando em você. Agora e sempre mais. Eu só quero que você ouça, a canção que eu fiz pra dizer :Que eu te adoro cada vez mais ... E que eu te quero sempre em paz !

Tô com sintomas de saudade. Tô pensando em você. E como eu te quero tanto bem! Aonde for não quero dor ...Eu tomo conta de você. Mas te quero livre também ... Como o tempo vai e o vento vem !!! *-*

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Feeling nostalgic ...


Lembranças Felizes ou Tristes: Assim é a Vida ...


Ahhh a faculdade, que tempos bons ... Tudo era belo naquela época, rever os amigos, os professores, exceto ir pra própria! rs


Final de faculdade é sempre assim: correria com apresentação do trabalho de conclusão, provas, trabalhos de última hora, e alívio, afinal no final tudo acaba bem. Aí, quando acontece aquilo que você mais queria, o curso acaba, você se forma, vem aquele sentimento de nostalgia antes mesmo do fim. Não vou ver mais as amigas todos os dias, as conversas nos corredores, os trabalhos em grupo, o lanche de todas as tardes, as gargalhadas diárias, enfim, tudo aquilo que fez parte da minha rotina nos últimos quatro anos.


A sorte é que ficaram recordações incríveis na nossa memória. Na minha, uma delas foi as nossas várias sessões de fotos. Registrando tudo que seria importante para ajudar nossa memória a relembrar quem foi cada um nas nossas vidas. É por isso que eu AMO fotografia!


Para matar um pouco a saudade eu resolvi fazer este post de algumas recordações encontradas daquela época. Brincar faz bem, e nos remete a lembranças memoráveis!


Quando eu comecei a faculdade, logo fiz três grandes amigas que iriam me acompanhar nos trabalhos, provas e risadas até o final do quarto ano. Tamile, Audia e Lana. As três foram minhas companheiras de risadas e baladas. Muito bom relembrar tudo isso


" Todo dia é um novo dia ! "



Por isso não vá embora ...

E no meio de tanta Gente eu encontrei Você ... Entre tanta gente chata e sem nenhuma graça ! Você veio ... E eu que pensava que não ia me apaixonar, nunca mais na Vida ... #)